Neovia - Connectivity

Conectividade

Os objetos conectados, assim como a IoT* já fazem parte de nosso cotidiano e 51%** da população mundial declara utilizar a internet diariamente. Esta evolução dos hábitos e modos de vida tem um impacto sobre nossa maneira de pensar e de trabalhar. Ela faz igualmente evoluir nossas expectativas como consumidor, tanto em nível pessoal como profissional

Conectividade e internet dos objetos

A indústria agroalimentar e o universo dos produtores também são impactados por estas evoluções, que criam novos modos de funcionamento e novas expectativas. Os fabricantes de alimentos e os produtores esperam hoje novas ferramentas de diagnóstico ou de acompanhamento do desempenho, mais ergonômicas, mais fáceis de serem utilizadas, assim como soluções de desmaterialização e de processamento em massa dos dados (“big data”) que lhes permitam uma abordagem mais exata e eficaz: nutrição de precisão, pilotagem dos rebanhos, segurança e rastreabilidade.

Como um ator de posição de destaque na nutrição e saúde animal, a Neovia se dedica a melhorar o desempenho dos fabricantes de alimentos e a facilitar o cotidiano dos produtores, integrando em suas soluções e serviços as novas possibilidades oferecidas pela internet dos objetos e a conectividade. Seu novo centro mundial da inovação, We’nov, inaugurado em 8 de julho de 2016, foi construído neste espírito.

Este centro, que coloca em rede o conjunto dos departamentos que contribuem para a inovação em nível mundial, tem por missão analisar as expectativas dos clientes e as evoluções de suas necessidades para propor produtos, soluções e serviços cada vez mais inovadores, se apoiando  sobre as novas tecnologias. A este título, 2 dos 5 campos prioritários de inovação da empresa tem uma ligação direta com a internet dos objetos: o “smart farming” e o “Petline Interativo”.

Por outro lado, a Neovia já lançou desde já dois aplicativos móveis destinados aos criadores: In My Farm Aqua, aplicativo que visa estudar e acompanhar os fatores de desempenho nas criações aquícolas, e Standipig, um aplicativo que permite medir o desempenho zootécnico nas criações de suínos.

Em paralelo, a Neovia Venture, que é um fundo de investimento da Neovia dedicado a inovação, fez seus dois primeiros investimentos em objetos conectados. O primeiro no segmento de equinos, a start-up Equisense que desenvolve objetos conectados dedicados a cavalos (aplicativos para equinos desenvolvidos no Brasil e na França). O outro no segmento de petcare com a empresa PitPat que desevolve e fabrica coleiras conectadas para cães.

A Neovia coloca as expectativas dos consumidores no centro de seu processo de inovação. Seu forte investimento na IoT e nos objetos conectados tem por objetivo reforçar sua posição de líder no mercado da nutrição e saúde animal, um líder que reflete, inova e trabalha para enfrentar os desafios de amanhã e propor soluções e serviços diferenciantes a seus clientes.

 

*IoT para Internet of Things (Internet dos objetos (IdO) em português) representa a extensão da Internet a objetos e lugares do mundo físico.

**Origem: estudo “We are social”.